2º Domingo do Advento, Ano A

Informações básicas
-Convertei-vos
– Oração –  nenhuma atividade impeça correr ao encontro de Cristo.
– Leituras: Is 11, 1-10; Sl 71; Rm 15,4-9; Mt 3,1-12. 

“Convertei-vos, porque o Reino dos céus está próximo”.

segunda-vela-adventoTodos os anos, o segundo domingo do Advento nos propõe a figura de João, mais conhecido  por seu apelido Batista. Que quer dizer: Batizador, pois imergia as pessoas nas águas do Rio Jordão, como sinal de conversão.
João Batista começou sua pregação no curso inferior do rio Jordão, na região de Jericó, no deserto. Região esta, que afluía um número muito grande de pessoas. Sua vestimenta rústica, descrita como: “uma roupa feita de pêlos de camelo e um cinturão de couro em torno dos rins” – era bastante similar a que usava o profeta Elias (cf. 2 Reis 1, 18). Também o ponto onde João fazia sua pregação era o mesmo em que Elias havia sido assunto (cf. 2 Reis 2, 11). Por isso, as pessoas tinha a impressão de que Elias havia voltado. Isto, por se tratar de uma figura estranha aos costumes e, era devido à sua pregação de cunho apocalíptico.
Os fariseus e saduceus que se apoiavam em tradições externas, eram duramente censurados por João. Usavam de seu status de “filhos de Abraão” para se manterem num caminho longe do Senhor. E João cita um trocadilho com os termos hebraicos”filhos” (BANIM) e “pedras” (ABANIM) o que muda é apenas uma vogal. Pois a dignidade de filhos, Deus pode suscitar em quem ele quiser. Não vos ilidais com vossos privilégios, mas deis frutos de conversão, frutos dignos de filhos de Abraão!
baptist3Com este anúncio, João Batista nos ajuda a preparar o Caminho para o Senhor que vem. Pois Ele, o Messias , vem “com a pá na mão” para separar o trigo da palha. E assim, cada um terá o seu destino: ao trigo (os bons) cabe o celeiro (o Paraíso), a palha (os maus) o fogo que não se apaga. 
Como primeira Leitura, temos hoje o capítulo 11 de Isaías. É um esplêndido poema de esperança. Do “tronco de Jessé”- da árvore genealógica de Davi que não se extinguiu – mesmo cortado, este tronco dará um rebento (broto). O profeta nos diz que, mesmo com o fim da monarquia em Judá e Israel, não morre a esperança. O Vento (Ruah – Espírito) do Senhor o fará crescer. E o Cristo (rebento) terá a plenitude dos dons do Espírito Santo. Ele dará à Humanidade a possibilidade do retorno ao Édem, e nos descrevem uma cena onde os inimigos naturais convivem em harmonia. 
Mas esta mudança não se dará de forma mágica, pois Deus conta com nossa colaboração. Por isso, esta mudança começa em mim e em você! Onde está o nosso empenho no caminho de conversão? Os frutos de conversão, nós os vemos nas pequenas coisas de cada dia, e não nas grandes…
O Salmo de hoje, Sl. 71, é um Hino Messiânico, de quem espera ardentemente a chegada do Rei (Messias). Este será diferente dos reis deste mundo, pois instaurará seu REINADO DE  AMOR, HARMONIA, PAZ, E LUZ INFINITA.
A nossa segunda leitura, extraída da Carta aos Romanos, São Paulo nos diz que Cristo mantém as promessas de Deus. Ele faz justiça à Israel: nação de circuncisos, mas vai além: oferece misericórdia a todos os povos, tidos como pagãos. Todos somos convocados para a Assembleia Universal (IGREJA CATÓLICA) que se reunirá  na plenitude no Reino dos Céus. Produzamos frutos de conversão para podermos entrar em seu Reino!

Deus abençoe sua vida!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s