Salmo 118 – 6º Domingo do Tempo Comum, Ano A.

Salmo 118 – 6º Domingo do Tempo Comum – 12/02/2017

— Feliz o homem sem pecado em seu caminho,/ que na lei do Senhor Deus vai progredindo!

— Feliz o homem sem pecado em seu caminho,/ que na lei do Senhor Deus vai progredindo./ Feliz o homem que observa seus preceitos,/ e de todo o coração procura a Deus!

— Os vossos mandamentos vós nos destes,/ para serem fielmente observados./ Oxalá seja bem firme a minha vida/ em cumprir vossa vontade e vossa lei!

— Sede bom com vosso servo, e viverei,/ e guardarei vossa palavra, ó Senhor./ Abri meus olhos, e então contemplarei/ as maravilhas que encerra vossa lei!

— Ensinai-me a viver vossos preceitos;/ quero guardá-los fielmente até o fim!/ Dai-me o saber, e cumprirei a vossa lei,/ e de todo o coração a guardarei.

Download do MP3:
http://bit.ly/2jSFP58

Download da CIFRA:
http://bit.ly/2kcrQrF

Anúncios

Banda de rock peruana composta totalmente por freiras “viraliza” na internet.

Uma banda de rock peruana composta totalmente por freiras virou uma sensação na internet. Segundo a irmã Mônica Nobl, o grupo musical, chamado Siervas (“Servas” em espanhol), se formou em um convento em Lima.

Conversando sobre música, as freiras perceberam que várias delas sabiam tocar diferentes instrumentos.

“As pessoas se esquecem de que as freiras eram pessoas normais antes de se tornarem freiras. Nós somos como você, nós ouvimos música pop e rock a vida toda”, disse a religiosa.

A banda compôs músicas e gravou vídeos que viralizaram – para encontrá-la nas redes siervassociais, basta procurar por @SiervasMusica. As freiras se apresentaram para o papa Francisco durante uma visita dele ao México.

Depois disso, passaram a receber convites para se apresentar em diversos países. “Nós vamos para onde Deus aponta. Não temos planos preestabelecidos”, contou a irmã Mônica Bobl.

Fonte: BBC Brasil

Sacramento da Confissão: Não tenha medo!

Jesus veio ao nosso mundo para tirar o pecado; como disse São João Batista, “Ele é o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo” (Jo 1, 29).

O Filho de Deus não veio a este mundo para outra finalidade, senão esta. E para isso pregou o Evangelho da Salvação, instalou o Reino de Deus entre nós, instituiu a Igreja para levar a cabo esta missão de arrancar o pecado da humanidade, e morreu na Cruz, para com sua morte e ressurreição nos justificar diante da Justiça divina.

Com o preço infinito de Sua Vida, Ele pagou o nosso resgate, reparou a ofensa infinita que nossos pecados fazem contra a infinita Majestade de Deus. E deixou com a Sua Igreja a incumbência de levar o perdão a todos os que crerem no Seu Nome. É por meio da Confissão (= Penitência, Reconciliação) que a Igreja cumpre a vontade de Jesus de levar o perdão e a paz aos filhos de Deus.

Infelizmente muitos católicos ainda não se deram conta da importância capital da Confissão, que só na Igreja Católica existe.

“Alguém pode dizer: ‘Eu confesso-me apenas a Deus’. Sim, podes pedir perdão a Deus e dizer os teus pecados, mas os nossos pecados são também contra os irmãos, contra a Igreja, por isso é necessário pedir perdão à Igreja, aos irmãos, na pessoa do sacerdote (…) Vai em frente, que o sacerdote será bom. É Jesus que está lá e Jesus é o melhor dos padres, Jesus recebe-te, com tanto amor. Sê corajoso e vai à Confissão! (…) Quando nos transformamos a nós mesmos na única medida, sem ter de prestar contas a ninguém, fechamo-nos a Deus e aos irmãos. Pelo contrário, quando nos deixamos reconciliar por Jesus, encontramos a verdadeira paz”.

Pp. Francisco, 19 – II- 2014.

Água benta: significado e importância…

 

Quase todos os dias, antes ou durante a missa, sou solicitado para abençoar a água. Porém, muita gente não tem consciência do valor e da importância deste sacramental.

A água benta é um sacramental. Sempre que o sacerdote a benze, fá-lo em nome da Igreja e na qualidade de seu representante, cujas orações o nosso Divino Salvador sempre aceita com benevolência.

Usada com fé, aumenta em nós a Graça Santificante e atrai-nos a Benção Divina, para a alma e o corpo, põe em fuga o demônio, ajuda-nos a vencer as tentações, e alivia o sofrimento das almas do Purgatório. Tudo isto como resultado da eficácia que lhe confere a benção da Igreja, que lhe aplica os méritos do Divino Salvador. Santa Teresa tinha-lhe especial amor, como meio para pôr em fuga o demônio. Na Igreja recorda o nosso batismo, e ao traçarmos o sinal da cruz, em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo, nos inserimos na paixão, morte e ressurreição de Jesus.

Salmo 111 – 5º Domingo do Tempo Comum, Ano A.

 

Salmos 111 – 5º Domingo do Tempo Comum Ano A

Música de Pe. Wenderson Nascimento

Em Bm Em
Uma luz brilha nas trevas para o justo, / Am Bm Em
permanece para sempre o bem que fez. (bis) Em Bm Em C Am Bm
1. Feliz o homem caridoso e prestativo,/ que resolve seus negócios com justiça./ Am Bm Em C Am Bm Em
Ele é correto, generoso e compassivo,/ como luz brilha nas trevas para os justos. Em Bm Em C Am Bm
2. Porque jamais vacilará o homem justo,/ sua lembrança permanece eternamente./ Am Bm Em C Am Bm Em
Ele não teme receber notícias más:/ confiando em Deus, seu coração está seguro. Em Bm Em C Am Bm
3. Seu coração está tranquilo e nada teme,/ ele reparte com os pobres os seus bens;/ Am Bm Em C Am Bm Em
permanece para sempre o bem que fez e crescerão a sua glória e seu poder.

SALMO 145 – FELIZES OS POBRES EM ESPÍRITO (4º DOMINGO DO TEMPO COMUM – ANO A)

 

Salmo 145
MP3: https://pocketterco.com.br/musica/FQg…
Melodia: Léo Mantovani
Interpretação: Junior Germano
Backing Vocal: Junior Germano e Fabiana Pieczarka
Instrumental e Arranjos: Edson Pieczarka Jr (Teco)
Guitarra: Piero Martins

INTRO: A, C#m7, F#m7, D9, F7+ A E/G# F#m7
FELIZES OS POBRES EM ESPÍRITO, D E A
PORQUE DELES É O REINO DOS CÉUS. E F#m7
1. O Senhor é fiel para sempre, Bm7 D E
faz justiça aos que são oprimidos;
F#m7 Bm7 C#m7
ele dá alimento aos famintos,
D A/C# Bm7 E A E
é o Senhor quem liberta os cativos. E F#m7
2. O Senhor abre os olhos aos cegos, Bm7 D E
o Senhor faz erguer-se o caído,
F#m7 Bm7 C#m7
o Senhor ama aquele que é justo,
D A/C# Bm7 E A E
é o Senhor que protege o estrangeiro. E F#m7
3. Ele ampara a viúva e o órfão, Bm7 D E
mas confunde os caminhos dos maus. F#m7 Bm7
O Senhor reinará para sempre!
F#m7 E
Ó Sião, o teu Deus reinará.
D A/C# Bm7 E A E
para sempre e por todos os séculos!